The Veronicas estão um pouco vermelhas no clipe de In My Blood

Essas duas irmãs maravilhosas nunca decepcionam, cada nova música, um novo tiro. Eu acho In My Blood uma das melhores coisas da carreira delas (e olha que a discografia é mesmo excelente). A faixa tem uma vibe dark com uma melodia envolvente que é super sexy e atual. O clipe, admito, achei que seria diferente (considerando esse teaser aqui) mas a idéia desse universo vermelho ficou bacana, trouxe um ar ainda mais misterioso que
Continue lendo...

Rihanna como você nunca viu no clipe de Sledgehammer

Parabéns Riri, você acertou EM CHEIO nesse clipe. Dá até pra gostar um pouco mais da música, que no início não foi de minhas favoritas, vai é Sia até demais. O clipe de Sledgehammer é de outro mundo (há, trocadilho sem graça), mas sério… nele Rihanna é uma alien mística e sensual com poderes mágicos. Ela levita objetos, torna outros coloridos e provavelmente faz alguma macumba para ficarmos apaixonados por esse visual todo.  
Continue lendo...

Tem álbum novo da Delta Goodrem chegando por aí…

Delta Gooodrem, novo album, wings of the wild

Depois de três singles (Only Human, Wings e Dear Life), que já vinham sendo trabalhados desde o ano passado, Delta Goodrem finalmente anunciou o sucessor de Child Of The Universe (2012). O novo álbum chama-se Wings Of The Wild e será lançado no dia 01/07 (tá perto gente!). A agonia de singles e mais singles, sem sinal do álbum era chata demais! Mas ontem ganhamos essa notícia maravilhosa da própria Delta.
Continue lendo...

Lindo, lindo! Vem ver Misery, o novo clipe da Gwen Stefani

gwen stefani, musica, misery, video clipe

Hoje acordei e primeira coisa que vi foi esse clipe e adivinhem?! Deu até vontade de voltar a escrever! O clipe de Misery acabou, literalmente, de sair do forno! É o terceiro e mais bem trabalhado, visualmente falando, single do “This Is What The Truth Feels Like” novo álbum da rainha. No vídeo basicamente vemos Gwen arrasando no carão, com vários looks e makes de tirar o fôlego. E essa
Continue lendo...

E o medo deste clipe dar errado, Gwen? Vem ver Make Me Like You

E não é que deu certo? Estava com medo deste clipe sair uma caca, porque a história de gravar ao vivo (sim, isso aconteceu durante os comerciais do Grammy) tinha muitos contras: qualquer erro de coreografia, dublagem, câmera e já era… e a qualidade do resultado final (tratamento), como seria? Mas enfim, tudo deu muito certo e o clipe de Make Me Like You superou minhas expectativas! Ficou super divertido com as trocas
Continue lendo...

Viciando em PILLOWTALK, do ZAYN, em 3, 2, 1…

Tenho um problema com o ZAYN, na verdade é o mesmo que tenho com o Justin Bieber: não queria gostar, mas gosto. Como se não bastasse ter que admitir que gostei e muito do Purpose, chega ZAYN com uma música incrível que não consigo parar de ouvir. Ok, tenho certeza que vou viciar no álbum inteiro também, até por que já adorei o nome (Mind Of Mine). Agora falando de PILLOWTALK,
Continue lendo...

Mais e mais admiração por Queen B

Demorei para fazer esse post, Formation já não é mais tão novidade assim, mas pouco importa, né? O impacto que a música e clipe estão causando por aí irá durar, espero que, por um bom tempo. Adorei a forma como Beyoncé chegou de surpresa e lançou, sem prometer nada, uma bomba (no bom sentido) na cara da sociedade. O clipe é cheio de referências sociais chocantemente diretas e de apoio ao
Continue lendo...

Gwen Stefani entrou nos eixos com Used To Love You

Que música linda! Gwen finalmente entrou nos eixos novamente e apresentou um trabalho que reflete a qualidade do seu catálogo (vai ouvir Early Winter e 4 In The Morning <3). Nada de Spark The Fire que, mesmo divertida, é extremamente teen e enjoamos depois de dois ou três plays. Used To Love You vem de uma experiência real e bem recente na vida da cantora, seu divórcio do marido de longa data com
Continue lendo...

Em Focus Ariana Grande segue a sua própria fórmula de sucesso

Focus está entre nós desde sexta-feira e com isso Ariana Grande dá início, mesmo que um pouco morno, para os trabalhos de seu terceiro álbum que, ao que tudo indica, chama-se Moonlight. Chamo de início morno, porque Focus segue muito a mesma “fórmula” de sucesso de Problem e Bang Bang, não que isso seja algo ruim, já que a música é super divertida e funciona super bem nas baladas (por
Continue lendo...

Porquê “Bang” representa uma vitória para Anitta

Sempre repudiei essa mania que o brasileiro tem de menosprezar o que é seu. Sim, sou fã assumido de música pop internacional, mas quando um artista do gênero surge em nosso pais e – apesar da crítica – consegue se manter relevante, aplaudo de pé. Anitta conseguiu isso e tem acertado cada vez mais, sua personalidade forte não se deixa abalar com todo mimimi que rola solto por aí, afinal não
Continue lendo...